Friday, March 07, 2008

DEIXEI-TE CHORANDO

Paraíso de gaivotas livres, ondulantes
De imensos basaltos da mais negra cor,
Onde criancinhas brincam radiantes
Onde o pobre é rico vivendo de amor.

Aí, em teus campos, os melros bailando
Quebram o silêncio com seu chilrear,
E com suor do rosto, as terras regando
Trabalham os homens, sem nunca parar.

ILHA, és lavada por chuva caprichosa
Que campos matiza de rara beleza,
Fazendo de ti hortênsia formosa
Azul, cor de manto de velha nobreza.


Fernanda

13 comments:

aryanalee said...

Com flores a dor é mais suave
.......@............@
......@.@.@.@..@..
....@........@..........@
...@............@....@@
...@..............@@..@
....@..............@...@
......@...........@..@
.........@......@..@
..............@..@
.From...........@
......Me..........@
............TO.....@
................You.@........@@@
......@@@@..@....@..........@
...@.............@@@......@@
.......@@@.......@..@@
.........................@
.........................@
.........................@
.........................@
.........................@
........................@
.......................@
Bom fim de semana
Beijinhos

gaivota said...

linda fernandinha
é aqui que acabo de sentir o calor da "casa" e a saudade do "lar"...
estarás em qualquer lugar, mas o teu cantinho está lá, no meu do mar!
beijinhos grandes

poetaeusou . . . said...

*
vamos fazer
as partilhas a "meias",
eu fico com o,
paraíso das gaivotas,
tu,
ficas com o restante,
,
xi
,
*

Rocket said...

Olá Fernanda

Conheço bem esses "basaltos da mais negra cor.".. uma maravilha...

beijinhos

MIMO-TE said...

Saudades de ti amiga!!! :)))

Belo o teu poema que se le a cantar, tál é a harmonia que ressalta dele!!!

Beijos de mim

O Profeta said...

Tu és pedra rolada no fim da ilha envolta em suave maresia...

És uma maravilhosa ilha...


Doce beijo

O das Caldas said...

A mesma harmonia por aqui.
Parabéns!
Bfs.
2 beijinhos

xistosa said...

Depois do que tenho escrito, diga-me como hei-de dizer mal do que se vê e lê.
É impossível a fecundidade, impossível não ... mas a quantidade e a qualidade são exuberantes ...
Que continue assim e que eu o possa ler.

Laura said...

Ai fernanda, fernanda, fernandinha, mas que poesia ondulante de amor... bela belíssima sem par...
Um beijo cheio de carinho e de simpatia por ter o privilégio de elr tão bela poetisa...
Feliz Páscoa...

♥M@cellY♥ said...

Vim rever-te... estas sumida...
Bjo grande, feliz páscoa!

Rui Caetano said...

O cantar da ILHA é único. Uma boa Páscoa com imensa poesia.

Um Momento said...

Encante-me neste campo... neste chilrear...
Por estas tuas belas palavras ao meu ser me encantar

Deixo um beijo carinhoso com os votos de uma Feliz e Santa Páscoa

(*)

Bichodeconta said...

Lindo, como sempre ..A Fernandinha escreve com o coração, por isso nos prende..Feliz pascoa..